IN FLAMES- SOUNDS OF A PLAYNGROUND FADING

PORTUGUESE AND ENGLISH

Em fevereiro de 2010 In Flames fundador e co-compositor Jesper Strömblad deixou a banda, em meio a rumores de longa datas da bandas. Isso causou muita preocupação entre os fãs  do In flames, com o temor de que a banda não seria capaz de atingir sua assinatura sonora com o restante da banda o compositor Bjorn Gelotte assumiu a composição . Ao longo da sua carreira de 21 anos, os  da álbuns da banda têm,, evoluido naturalmente , mudando com a cena musical, mas sempre conseguindo manter um som único e inovador para seus álbuns.

Álbum anterior um  A SENSE OF PURPOSE conseguiu dividir os fãs, sendo um dos seus “mais limpo ‘álbuns até à data, por isso as expectativas para SOUNDS OF A PLAYGROUND FADING Parque têm sido mistos, com este décimo álbum anunciando uma nova era para o In Flames, tanto musicalmente quanto nas composições da banda.
SONUDTRACK TO YOU ESCAPE de um Parque definitivamente decorre um sentido de Propósito e 2006 da Clarity Vem com um som menos agressivo do que álbuns como Clayman.Como sempre acontece com InFlames,este álbum é uma evolução do seu som característico, com a guitarra punchy mantidas o álbum tipicamente ‘InFlames’ e sutil synths camadas para aumentar o som geral, em vez de overpowering ele, a modernização da riffs relativamente clássico e vocais rasping , sem se tornar os irmão EnterShikari do death metal. O álbum é variado e único, com muitas mudanças para levá-lo ao desprevenido, e interruptores faixa selvagnes e mantê-lo interessante do início ao fim.
Vocalista Anders Friden tem, neste décimo álbum, finalmente chegou a um meio feliz e confortável entre os registros iniciais ‘áspero e rosnando, e mais tarde nos álbuns’ melodicos e  limpo, alternando entre as duas com facilidade e criar uma plenitude para o som geral  que evoca a paixão e energia.
Primeiro single ‘Deliver Us “tem um lento e assombrando e um conteúdo para relaxar em sua assinatura sonora fácil pelo ponto médio e tem um refrão cativante que vai ficar preso na sua cabeça. Que é provavelmente é o ponto.

“Fear Is The Weakness” é um clássico InFlames,remontando provavelmente será lançado seu mais ao mainstream, de 2004 Soundtrack To Your Escape,e é seguido por “THE DEAD SHIPS Dwell”, que tem uma incrível riff seção em torno da marca de 2 minutos e uma intensidade industrial metal que realmente torna uma das faixas de destaque no álbum.

‘The Attic “é uma faixa , sombria baixando  afinando de composições magistrais, criando um som verdadeiramente deprimente que de alguma forma consegue elevar o ouvinte até o final, provavelmente porque é tão muito bem feito.

“Cordas” é uma adição dancey divertido de sons de um Parque deesbatimento,cheia de ganchos e riffs complexos, com uma seção tranquilo que traz o ouvinte para baixo antes de bater-los rapidamente no rosto com os ritmos finais brutal.

“Libertação” faixa final é um  papoula deliciosamente para o álbum, com um grunge quase 90graus com a  sensação de acordes a sua abertura, e um braço-in-the-air coro hino, que pode ou não incluir a linha “eu vou encontrar uma maneira, e eu vou devolver o sapato”. O que é engraçado, mesmo se não é verdade’.:

In February 2010 In Flames founder and co songwriter Jesper Stromblad left the band, amidst rumours of long standing inter-band tensions. This caused much concern amongst In Flames‘ die-hard fan base, with the fear that the band would not be able to achieve their signature hooky sound with remaining songwriter Bjorn Gelotte taking over full songwriting duties. Throughout their 21 year career, the band’s albums have naturally evolved, changing with the music scene, but always managing to keep an innovative and unique sound to their albums.
Previous album A Sense of Purpose managed to divide fans, being one of their ‘cleanest’ albums to date, so expectations for Sounds Of A Playground Fading have been mixed, with this tenth album heralding a new era for In Flames, both musically and in the make up of the band.
Sounds Of A Playground Fading definitely follows from A Sense of Purpose and 2006′s Come Clarity with a less aggressive sound than albums like Clayman. As always with In Flames, this album is a further evolution of their signature sound, with punchy guitar hooks keeping the album typically ‘In Flames‘ and subtle layered synths enhancing the overall sound rather than overpowering it, modernising the relatively classic riffs and rasping vocals, without becoming Enter Shikari’s death metal brothers. The album is varied and unique, with plenty of changes to take you off guard, and wild switches in range keeping it interesting from start to finish.
Vocalist Anders Friden has, in this tenth album, finally reached a happy and comfortable medium between early records’ rasping and growling, and later albums’ clean melodics, switching between the two with ease and creating a fullness to the overall sound that evokes passion and energy.
First single ‘Deliver Us’ has a slow and haunting build up which seems completely content to relax into that easy signature sound by the mid point and has a catchy chorus that WILL get stuck in your head. Which is probably the point.
‘Fear Is The Weakness’ is classic In Flames, harking back to probably their most mainstream release, 2004′s Soundtrack To Your Escape, and is followed by ‘Where The Dead Ships Dwell’, which has an awesome riff section around the 2 minute mark and an industrial intensity that really makes it one of the stand out tracks on the album.
‘The Attic’ is a bleak, down tuned piece of masterful songwriting, creating a truly depressing sound which somehow manages to uplift the listener by the end, probably because it’s just so very well done.
‘Ropes’ is a fun dancey addition to Sounds Of A Playground Fading, full of hooks and complex riffage, with a nice quiet section which brings the listener down before hitting them briskly in the face with the final brutal rhythms.
Final track ‘Liberation’ is a deliciously poppy ender for the album, with an almost 90′s grunge feel to its opening chords, and an arms-in-the-air anthemic chorus, which may or may not include the line “I’ll find a way, and I’ll return your shoe”. Which is funny even if it isn’t true.
In Flames’ Facebook: http://www.facebook.com/inflames
Century Media Records’ Website: http://www.centurymedia.com
www.onemetal.com

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s